Quando vi as primeiras divulgações sobre o livro “A caminho da eternidade” no Facebook, fiquei super ansiosa pra ler. Foi aquele livro que me conquistou pela capa e quando li a sinopse, a paixão só aumentou. No momento em que a Tatiane Tálita abriu a postagem da parceria para Primeiras Impressões eu surtei, me inscrevi e torci muito para ser escolhida. E advinhem… Eu fui!!!!

Então, apresento à vocês a capa e a sinopse de “A caminho da eternidade”:

Capa do livro

“O que uma pessoa que sabe que vai morrer é capaz de fazer?
Isabela Gusmão de Alvarenga cresceu dentro de uma redoma de vidro, cercada de carinho e proteção, para não se quebrar, para não morrer… mas Bela tinha um plano para se libertar e viver sem a sombra da morte pesando em seu caminho.
Ela criou uma lista de onze passos para a Eternidade. E determinada em tornar seu instante de vida eterno, Isabela fechou os olhos, quebrou o vidro ao seu redor e se jogou no mundo, inventando uma nova história para si mesma.
Com ajuda do lutador conhecido como “O Suicida”, Oliver Partezanne, um jovem que não teme a morte, Bela vai caminhar para a eternidade e vai descobrir o quanto um instante bem vivido vale mais do que 100 anos de simples existência.
Isabela e Oliver vão se aventurar no doce sabor do agora, em um romance intenso, engraçado e doloroso.
Uma Não Princesa prestes a morrer e um Ogro fofo.
Uma história de vida, amor e morte.”

Citação A caminho da liberdade

 

No prefácio começamos a conhecer melhor a intensidade da Isabela:

“Ela, Bela, Isabela… apenas uma menina e muito mulher, a exteriorização de um sorriso estridente e verdadeiro, que fogem do senso comum e não há como descrevê-la em parcas linhas de um texto qualquer. No escuro ela procurou a luz. No medo teve fé, na dor manteve-se de pé sendo a alegria. Na falta de amor o inventou e na falta de vida superou a morte e se eternizou.”

Todos os capítulos começam com citações de músicas ou séries e também com uma música que será a trilha sonora do capítulo. (Já tô planejando a playlist!!!!)

Continuando a me cativar, a primeira citação é da “tia Clarice”…

Primeiras impressões

As narrações dos capítulos são revezadas entre a Bela, o Oli e o(a) narrador em terceira pessoa. Aos poucos vamos conhecendo melhor a personalidade deles e o que pensam sobre o outro.

A sensação que eu tenho é de que a Bela tem alguma doença, por isso ela quer viver cada instante. Por outro lado, seu pai e seu irmão são extremamente ciumentos e possessivos e isso poderia justificar essa ânsia por liberdade dela.

Confesso que achei a Bela um tanto quanto imatura, mas tenho que levar em consideração que só li 6 capítulos e que ela realmente é jovem. O Oli é apaixonante. Apesar de parecer bem galinha, também mostra um senso de responsabilidade para com sua família. Além de se mostrar meigo e preocupado com a Bela.

O Oliver visto pelos olhos da Bela:

“Um homem lindo, com um bom papo, perfumado, inteligente, divertido, atleta… o tipo de cara que toda mulher quer, mas também era do tipo que costumava machucar.”

 

Avatares dos personagens
Oliver e Isabela

Você pode adquirir o seu exemplar clicando aqui.

Estou amando e pretendo terminar de ler ainda nesse final de semana.

Assim que acabar, volto pra fazer uma resenha completa.

(Visited 31 times, 1 visits today)

Posts relacionados

2 thoughts on “A caminho da eternidade – Primeiras impressões

  1. Que lindo. Amei. Parabéns.
    A Isabela vai te surpreender… muito. O Felipe também e o Oliver vai te deixar apaixonada kkkkk
    Espero que ao ler o livro goste, se divirta e se inspire a fazer seu instante felicidade.
    Beijos da baixinha
    Tati 😍

    1. Estou super ansiosa para me surpreender e apaixonar ainda mais!!!!
      Você será a primeira a saber!
      Bjks

Comments are closed.